.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28


.posts recentes

. Tempo

. Certo ou errado?

. Horas extra, alguém tem?

. Devo ser um bicho !

. Enfim...

. Sou chorona...

. Falta um mês...

. Ás vezes também faz falta...

. " Se acreditares vais con...

. Mudanças...

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

Quinta-feira, 22 de Outubro de 2009

Há coisas que nunca mudam

O dia até não correu assim tão mal como eu esperava. A apresentação do trabalho correu bem e o relatorio de f.q afinal foi em grupo, o que sempre torna as coisas mais faceis. Quanto ao teste de f.q afinal o prof, não entregou hoje diz que entrega amanhã " entrego amanhã meninos", ando a ouvir isto há dias!

 

Nunca me dei bem com a minha mãe, nunca me dei nem nunca me hei-de dar. Quantas vezes eu sonhei com uma mãe que me ouvisse, que me ajudasse ou simplesmente desse apoio. Ela nunca o fez e pelos vistos nunca o vai fazer. E ela nem imagina o quanto isso me faz sofrer. Nunca ouvi um "gosto de ti" , " tenho orgulho"  e muito menos "podes contar comigo".  No outro dia, umas colegas minhas ficaram surpreendidas porque eu quando tenho um problema nunca falo com a minha mãe. Mas se eu fizer isso, para além de ficar ainda pior, ela vai dizer " sim já chega de choradinho, cala-te".

Posso me matar a estudar que para ela a nota nunca vai ser boa, nunca a ouvi dar-me os parabéns por algo que me tenha esforçado, ou simplesmente não diz nada, ou diz que podia ter sido melhor.

Quando era pequena esforçava-me a sério para ter tudo arrumado para quando ela voltasse do trabalho não gritasse e ficasse feliz, por vezes a minha avó ajudava-me. Mas havia sempre alguma coisinha para ela gritar e se chatear.

E hoje não foi excepção, o dia foi cansativo e quando cheguei a casa pedi para amanhã dar uma volta com as minhas colegas, a resposta foi " Andas sempre a te queixar que tens muitos testes e trabalhos amanhã queres ir?"   Olhou e encolheu os ombros.

Nunca gostei de insistir para ela me deixar ir a algum lado ou fazer algo, percebi perfeitamente que aquilo era um não, nem lhe disse mais nada.

Mas será que ela não percebe o quanto eu tenho andado chateada, preocupada e cansada com a escola?! Será que ela não percebe o quanto eu me esforço ha 11anos para ouvir uma palavra de parabéns?! Será que é por ir uma tarde dar uma volta que as minhas notas vão cair a pique?!

 

Uma vez quando era pequena olhei para ela e disse " Se pudesse trocava de mãe!", hoje não digo isso porque tenho a noção do disparate que é! Mas continuo a ficar magoada e triste. Eu simples queria ouvir  um " muito bem".

 

 

Não liguem a este post estupido, foi só um desabafo. Tenho a certeza que daqui a 5 minutos isto ja me passou e ja vou estar toda feliz da vida pela mãe que tenho, porque afinal, mãe é mãe.

 

 

 

 

tags: ,

publicado por vuty às 19:03

link do post | comentar | favorito

9 comentários:
De Peixe Frito a 22 de Outubro de 2009 às 20:47
Sabes, quando era mais nova, andava sempre às turras com a minha mãe. Hoje em dia, já nos damos substancialmente melhor! Até vamos ao soping as duas, passeamos, etc. Vais ver amiga querida, são fases próprias do nosso crescimento. Sabes bem que não quer dizer que não goste de ti. Afinal de contas, mãe é mãe :)
Xi-coração grande mimoso de consolação.


De vuty a 22 de Outubro de 2009 às 20:59
Ainda bem :D
Pois eu ás vezes também penso assim, que isto são fitas minhas e isto é por causa da minha idade e etc.
E eu no fundo sei que ela me adora e eu também a adoro muito, mas por vezes é dificil ouvir certas respostas. Mas também sei que ela quer o melhor para mim.
Muito obrigada pelo apoio querida, um grande xi - coração.


De Bolacha a 22 de Outubro de 2009 às 21:29
Eu posso não ser muito mais velha que tu, mas já tenho mais uns aninhos e... eu e a minha mãe eramos uma desgraça. Gritaria todos os dias a toda a hora e por causa de tudo. Depois o tempo foi passando e... bem, a idade tem destas coisas. Acho que é uma fase natural, mas melhora e ela um dia vai dizer "muito bem". Comigo já aconteceu! :D


De ana rita a 22 de Outubro de 2009 às 21:40
Em primeiro lugar, não fiques nervosa com o teste de fq, que vais ver que ainda tens melhor do esperas. :)
Quanto à tua mãe vais ver que isto é só uma fase, porque amanhã quando tiveres mais calma de certeza que vais ver que a tua mãe afinal até é muito "porreira" em outros aspectos. Quanto a ela não te deixar sair, no fundo é porque quer que tenhas boas notas e quer que tenhas um óptimo futuro, a minha mãe também é um pouco assim... não compreende que por vezes dar uma saidinha com os amigos, nos faz muito melhor do q secalhar estar a estudar uma tarde inteira quando não temos cabeça para isso. Eu tenho a certeza que a tua gosto muito de ti e tem muito orgulho em ti, só que há pessoas que o demonstram mais do que outras. :)
Isso das discussões é normal, eu tneho 18 anos e tenho com cada discussão com a minha mãe q n lembra a ngm... chegamos a passar dia em que não nos falamos. -.-"
Beijinhos


De vuty a 22 de Outubro de 2009 às 21:49
Quanto a f.q, espero amanhã resolver de uma vez por todos esse assunto.
Quanto á mãe, eu lá fundo sei que sim que ela gosta e que quer o melhor para mim. Mas por vezes custa, porque espero outro acção por parte dela, acho que espero mais compreensão.
Pois eu e a minha também no que toca a discussões também nao ficamos a tras, ou começo eu ou começa ela. Enfim...
Espero que isto seja uma fase e que passe.
Beijinhos e obrigada


De Leucócito a 23 de Outubro de 2009 às 14:03
Isso e um bocadinho geral... eu as vezes tambem sinto isso. Ainda estes dias estava desmotivada com a universidade e em vez de ter apoio tive um sermao da minha mae... mas depois la passou... Elas tentam fazer o seu melhor, o que as vezes nao e o melhor para nos...ou é e nos ainda somos jovens demais para as entender. A minha mae diz que quando eu tiver os meus filhos vou perceber e agradecer as atitudes dela... beijokas*


De vuty a 23 de Outubro de 2009 às 18:12
Pois..elas tentam tanto que nós sejamos as melhores e tenhamos tudo de bom que por vezes nós nem atendemos as atitudes delas. Quem sabe daqui a uns anos entendemos.
Beijocas


De daisy_daisy a 23 de Outubro de 2009 às 16:29
Olha isso acontecia com o meu pai, como temos feitios iguais acontecia a maior partes das vezes acabar sempre em discussão. Só depois de sair de casa é que nunca mais discutimos. A minha Mãe, a minha Mãe é uma Santa.

Beijoquinha Grande


De vuty a 23 de Outubro de 2009 às 18:11
Pois comigo é precisamente o contrario. Eu e o meu pai damo-nos maravilhosamente bem.
Com a minha mãe é que a conversa é outra.
Beijocas grandes


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags